top of page

Relação entre saúde bucal e saúde da mulher

Sim, a mulher passa por diversas situações que interferem, também, na saúde dos dentes.


Na foto, Dra Andressa, Dra Débora Rigoni e Dra Maria Aparecida.


Com o avanço da tecnologia, estudos abrangem cada vez mais problemas de saúde que apresentam raízes na saúde bucal. Quando falamos em autocuidado e saúde da mulher, é cada vez mais urgente que a odontologia seja incluída no roll de especialidades que compõem esse grupo.


Com uma relação muito mais próxima do que imagina-se, problemas genivais podem estar diretamente ligados à mentruação, por exemplo: algumas mulheres notam que sua gengiva incha e sangra antes da menstruação. Outras têm afta ou inflamações na mucosa bucal. Informar esses episódios nas consultas de rotina à sua dentista é fundamental.


Na menopausa, é fundamental que a mulher faça uma visita ao dentista. Por se tratar de um período de adaptação do organismo à queda de hormônios, alguns desconfortos podem aparecer, como: boca seca, gengiva avermelhada, e sensação de alteração no paladar. Além disso, a menopausa facilita a perda de massa óssea.




Mulheres grávidas também precisam de vistas regulares ao dentista, isso porque é comum que gestantes tenham quadros de gengivas avermelhadas, inflamadas e com sangramento. O cuidado pré-natal precisa envolver a saúde bucal.


Mesmo com o corre-corre do dia a dia é fundamental dar atenção ao seu bem-estar e à qualidade de vida para uma vida plena e, apesar de parecer clichê, é verdade que a saúde começa pela boca!


Inclua a visita ao dentista no seu checkup anual, esteja em dia com você mesma, invista em você.



Fale com a gente, clique aqui!



Equipe

Innova Odonto

bottom of page